Rondônia Virtual

Trending

Sem título

O DIA NA HISTÓRIA

17.5.2024 – BOM DIA!

Lúcio Albuquerque

69 99910 8325

RONDÔNIA

1923 – A prefeitura de Porto Velho envia ao hospital da Candelária   medicamentos para enfrentar o grande número de casos de malária e outras doenças na cidade. 

1925 – Ypiranga 1x0 União Sportiva, decidindo o I Torneio Início da Convenção Desportiva, recentemente fundada para gerenciar o esporte em Porto Velho.

1951 – Governadores nordestinos rejeitam a proposta de recrutarem ali um novo “exército da borracha”, para trabalhar nos seringais amazônicos.

1982 – O sertanista Apoena Meirelles deixa a Funai acusando o Cimi – Conselho Indigenista Missionário, de não defender a causa indígena e criar problemas para os índios. 

1986 – O governador Angelo Angelin completa o 1º ano de governo: libera a ordem de serviço para asfaltar a BR-429 e entrega a carta sindical aos Jornalistas.

1988 – O Governador Jerônimo Santana e o prefeito Tomás Correia (Porto Velho) enfrentam onda de greves, de servidores reclamando falta de pagamentos e promessas não cumpridas.

1988 – O presidente José Alves, do Sindicato dos Garimpeiros acusa a Secretaria de Meio Ambiente de permitir a garimpagem de ouro por dragas e não deixar o garimpeiro manual trabalhar.

HOJE É

Dia Mundial da Hipertensão. Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade da Informação. Dia Internacional da Internet. Dia Internacional da Reciclagem.

Católicos celebram São Vitor da Via Salária, São Pascoal Bailão, São Pedro Liu Wenyuan,  São Pascoal,   

BRASIL

1932 – O governo brasileiro regulamenta o trabalho feminino. 1980 - Brasil e Argentina assinaram acordo de cooperação nuclear, estabelecendo ,

MUNDO

1510 — Morre Sandro Botticelli (n. 1.445), pintor italiano, principal obra, “O nascimento de Vênus”. 

1865 — Fundação em Paris da União Internacional de Telégrafos (hoje União Internacional de Telecomunicações).  

1993 – O caminho de Santiago da Compostela é declarado patrimônio cultural europeu.

FOTO DO DINA

HISTÓRIAS DO RÁDIO POR AQUI (I)

Outro dia li um texto citando que a Rádio Caiari foi a “precursora da comunicação” em Rondônia”. O certo seria da “radiocomunicação”, mas, mesmo assim, estaria errado.

Até 1947 Porto Velho tinha só um veículo de comunicação, o jornal Alto Madeira, desde 1917. Em 1947 foi inaugurado um serviço de alto-falantes, depois vendido ao jornalista Humberto Amorim.

Naquele período começa a funcionar a Rádio Difusora do Guaporé, que depois deixou de existir. Em 1950 um grupo de “radiófilos” (cf “Alto Madeira”, 16.5), dos quais Humberto Amorim era uma das lideranças, funda a Rádio Caiary.

Mas a emissora não chegou a funcionar efetivamente, e uma nova rádio surgiria, sob a égide da diocese e direção do bispo Dom João Batista Costa, a Rádio Caiari, cujo braço forte foi o então padre Vitor Hugo.

Até 1978 a Caiari, em sistemas AM e Ondas Médias, caminhou sem companhia na radiocomunicação na capital, mas em 1978 os empresários Odacir Soares e Mário Calixto inauguraram duas FMs, respectivamente Rádio Rondônia e Rádio Eldorado.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem