Rondônia Virtual

Trending

Sem título

  

O DIA NA HISTÓRIA

Lúcio Albuquerque

69 99910 8325

17.7.23 - BOM DIA!

RONDÔNIA

1919 – Protestos em Vila Murtinho, com o fechamento da estação de telégrafo, devido ser o local de grande volume de negócios com os bolivianos.

1947 – A senhorita Carolina Figueiredo torna-se a primeira mulher a pilotar um avião, de Porto Velho a Guajará-Mirim.

1948 – O seringalista Joaquim Pereira da Rocha envia para análise laboratorial amostras de uma terra preta recolhida em sua propriedade. Os testes confirmam alto teor de cassiterita.

1957 – Inaugurado no Bairro Nossa Senhora das Graças o Posto de Saúde “Dr. Tanajura”, homenagem ao 1º prefeito eleito Joaquim Augusto Tanajura.

1987 – O ex-deputado estadual Tomás Correia, que na Assembleia Legislativa conseguira evitar sua cassação, agora com prefeito responde novo processo que pode afastá-lo do cargo.

COMEMORA-SE

Dia do Curupira (ou Dia de Proteção às Florestas).  Dia do Submarinista (Marinha). Dia Mundial do Emoji.  

BRASIL

1821 — O Reino da Espanha cede o território da Flórida aos Estados Unidos. 

1934 — Getúlio Vargas foi eleito, pela Assembleia Constituinte, presidente da República. 

1994 – Derrotando a Itália nos pênaltis, o Brasil torna-se o 1º tetracampeão de futebol. 

MUNDO

1955 – É inaugurada a Disneylândia (EUA) primeiro parque temático. 

1998 – Assinatura do “Estatuto de Roma”; estabelece a Corte Penal Internacional, o 1º Tribunal Penal Internacional permanente. 

FOTO DO DIA

Em julho de 1919, comerciantes brasileiros e bolivianos se unem num protesto: contra a decisão do 3º Distrito Telegráfico de extinguir a estação de telégrafo daquela vila, a de maior movimento da linha do trem da Madeira-Mamoré.

Situada na confluência dos rios Mamoré e Beni, a estação telegráfica atendia ao fluxo de negociações de brasileiros e bolivianos, região de muita produção de borracha, castanha, caucho etc.

Naquela estação eram deixadas as cargas vindas de toda parte do mundo para abastecer os seringais benianos, como o maior deles, o dos Irmãos Suarez, em Cachoeira Esperanza, e com certeza o fim do atendimento no poso telegráfico naquela vila iria gerar problemas de comunicação que os comerciantes e os seringalistas tinham com o resto do mundo, daí o protesto.

Com a abertura da BR-425 e o fim da Madeira-Mamoré em 1972, aos poucos a localidade foi perdendo sua importância e uma parte da po´pulaç~~ao mudou para a margem da rodovia, criando o núcleo inicialmente chamado “Vila Nova”, depois “Vila Nova do Mamoré”, e finalmente município de Nova Mamoré. 

(F. Vila Murtinho, o trem, a estação e à direita a igreja católica – F. Manoel R. Ferreira)


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem