Trending

Sesdec diz que policial baleado durante tiroteio em fazenda tem quadro de saúde estável


Tiroteio aconteceu em fazenda localizada na região de Nova Mutum, em Rondônia. Em nota, a Sedesc menciona que há "outras vítimas", mas não informou quem e quantas são.

Porto Velho, RO - O policial militar da reserva baleado após uma troca de tiros na sede de uma fazenda, em Porto Velho, segue internado. O ataque aconteceu na noite de quarta-feira (4) na região de Nova Mutum, quando a propriedade sofreu uma tentativa de invasão. A identidade do policial ferido não foi divulgada.

Em nota enviada ao g1, a Secretaria de Segurança de Estado (Sesdec) de Rondônia informou que o policial militar da reserva recebeu atendimento médico e que seu quadro de saúde é "estável". A pasta também informou que há outras vítimas do tiroteio e elas foram encontradas, porém não informou quantas e nem quem são.

A Sesdec ainda relatou que equipes das polícias Militar, Civil e Técnico-Científica foram ao local na manhã desta quinta-feira (5) para colher informações que podem contribuir nas investigações da Polícia Civil. Não há informações divulgadas sobre prisão de suspeitos.

Região de conflitos

A região da fazenda onde o policial foi baleado na noite de quarta-feira (4) registra um histórico de conflitos. Cerca de dois anos atrás aconteceu um confronto entre policiais e "grileiros". À época, o tenente da reserva José Figueiredo Sobrinho e o sargento Márcio Rodrigues da Silva estavam pescando quando foram abordados e mortos por criminosos.

Em 2021, a Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), com reforço e apoio da Força Nacional, iniciou uma operação de reintegração de posse em Nova Mutum. Porém, poucos dias depois, a ação foi suspensa por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF).

Leia abaixo a nota da Sesdec sobre o novo ataque

O Governo do Estado de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania - Sesdec informa que os ataques ocorridos na noite do dia 4 de janeiro, na sede de uma fazenda, situada na região de Ponta do Abunã, resultou em uma vítima, sendo um policial militar da reserva que foi baleado na perna, mas socorrido e seu quadro de saúde é estável. Conforme informações, as outras vítimas do ataque foram encontradas.

Equipes das Polícias Militar, Civil e Técnico-Científica se deslocaram na manhã desta quinta-feira, 5, para levantarem informações periciais necessárias ao esclarecimento das investigações que estão sendo realizadas pela Polícia Civil.

A Sesdec ressalta que todas as providências estão sendo tomadas para esclarecer o ocorrido, para identificar as pessoas envolvidas nos ataques, e que diversas ações policiais têm sido realizadas objetivando manter a tranquilidade pública na Ponta do Abunã.

Fonte: G1/RO


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem