Trending

Fogaça comenta proposta orçamentária do Município de Porto Velho e defende “reequilíbrio” para setores que não foram devidamente contemplados


O vereador afirma que deve ser buscado um entendimento com o prefeito Hildon Chaves

Porto Velho, RO – O vereador Everaldo Fogaça (Republicanos), que é presidente da CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redaçao) da Câmara Municipal de Porto Velho, falou nesta quarta-feira a respeito da proposta orçamentária para o Município no ano de 2023.

Para Fogaça há alterações importantes na propositura da administração Hildon Chaves, com setores sendo contemplados com robusto aporte financeiro, passando de 1,8 bilhões de reais para quase 2,4 bilhão, no entanto em determinadas áreas a destinação de recursos não contempla de forma devida as demandas da comunidade.

Neste aspecto ele cita as áreas do esporte e da cultura, cujos departamentos – no caso a Secretaria Municipal do Esporte e a Fundação Cultural de Porto Velho – tiveram aumento mínimo com relação ao orçamento deste ano.

Porém, o mais grave na avaliação de Fogaça é o caso da destinação de verbas para a recuperação de estradas, que caiu de R$ 6,8 milhões para menos de três milhões de reais.

Profundo conhecedor das necessidades da população da capital nestes segmentos, Fogaça comenta que entre os vereadores está sendo elaborado um estudo a respeito do assunto, que pode resultar numa contraproposta da Câmara para buscar o reequilíbrio orçamentário, contemplando de forma mais apropriada os setores já citados.

O vereador afirma que deve ser buscado um entendimento com o prefeito Hildon Chaves e os secretários municipais em tal sentido, para que haja mais dinheiro a ser investido no esporte e na cultura de Porto Velho, assim como dialogar no sentido de sensibilizar o Executivo acerca das necessidades de se ter orçamento suficiente para manter as estradas vicinais em condições de uso durante o ano todo, com investimentos em manutenção e melhorias na malha viária.

Confira no vídeo as argumentações de Everaldo Fogaça:




Fonte: Redação

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem