Trending

Prefeitura promove oficinas de combate à evasão escolar para servidores da rede municipal

Garantir o acesso, permanência, aprendizagem e a conclusão da educação básica são alguns dos objetivos

Porto Velho, RO
- A III oficina “Mão na Massa”, do programa nacional Busca Ativa Escolar, tem como meta promover a articulação intersetorial no município de Porto Velho, para garantir o acesso, a permanência, a aprendizagem e a conclusão da educação básica de todas as crianças e adolescentes da rede municipal de ensino, por meio de uma formação a ser realizada entre os dias 19 a 23 de setembro no Laboratório de Informática do Centro de Formação dos Profissionais da Educação (CFPE/Semed).

“É importante que este encontro sensibilize os profissionais envolvidos com a Busca Ativa Escolar em Porto Velho, na busca de estudantes que por algum motivo se ausentaram das escolas públicas da rede municipal, através de uma ação intersetorial com a participação de diversos atores que compõem o cenário educativo”, frisou a titular da pasta de Educação, Gláucia Negreiros.

De acordo com a Semed, o Busca Ativa Escolar é uma estratégia muito útil para ajudar a garantir os direitos de todos os estudantes e em especial o direito à educação. Mas só é efetiva com o envolvimento de políticas públicas em educação, saúde, assistência social, e com a participação e o engajamento ativo da sociedade.

“Estamos focados nessa grande ação envolvendo os servidores técnicos e, principalmente, os gestores, supervisores e professores das unidades escolares urbanas e rurais, que inclusive já estão trabalhando na oficina com a recomposição da aprendizagem dentro do programa Alfabetiza Porto Velho”, completou Gláucia.

UNIDADES RURAIS

A secretária reforçou o objetivo de apoiar supervisores escolares e professores nas escolas rurais, visando qualificar sua prática pedagógica junto aos estudantes da rede municipal de Porto Velho. “Desde o dia 14, estamos atendendo as escolas José de Freitas, Rio Pardo, 03 de Dezembro, bem como oito escolas do Núcleo de Ponta do Abunã”, concluiu.


Fonte: Prefeitura de Porto Velho

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem